Blog Bing ads: saiba como funciona

Bing ads: saiba como funciona

equipe fazendo estratégias com o bing ads no computador

Basta falar em Bing Ads que muita gente torce o nariz. Afinal, quando pensamos em procurar por algo na internet o primeiro nome que vêm à mente é o Google, não é mesmo? O mesmo vale quando pensamos em onde anunciar marcas e produtos. Mas é preciso lembrar que ele não é o único. 


Apesar de o Google Ads contar com a maior parcela do público e o maior volume de investimentos, o Bing Ads pode ser um excelente aliado quando se busca por melhores resultados em anúncios nos buscadores. Segundo os dados do StatCounter, empresa que avalia e divulga dados sobre navegação na internet, o Google é responsável por mais de 95% das buscas realizadas no Brasil, seguido pelo BING, com quase 2% do total. Logo atrás, temos ainda o Yahoo!, com apenas 1,05%, e DuckDuckGo com apenas 0,13% de share. 


Pode parecer um número pequeno, mas em quantidades absolutas isso representa milhões de pessoas, um dado que não deve ser ignorado. Além disso, é possível unir forças. Afinal, quando trabalhados em conjunto, BING ADS e Google Ads podem garantir um excelente resultado em campanhas publicitárias. Não é a toa que o Bing Ads possui 11,7% de toda verba publicitária destinada a anúncios em buscadores no país. 


Mas para se ter sucesso, é preciso antes de mais nada compreender como a ferramenta funciona. A seguir, você vai encontrar todas as informações que precisa para conhecer como o Bing Ads funciona, custos e vantagens de optar por esta plataforma na hora de divulgar sua empresa. 


 Como funciona o Bing Ads?


Se você já conhece o Google Ads vai entender facilmente como o Bing Ads funciona. É bem simples. Alguém faz uma busca no Bing e se ela corresponder às palavras-chave escolhidas para a campanha, o anúncio vai aparecer no topo da página, inclusive com imagens. Isso se ele foi desenvolvido desta forma no momento da criação do anúncio.


O Bing Ads possui uma ferramenta chamada Microsoft Search Network, que garante a conexão com vários dispositivos, como tablets, notebooks e aparelhos de celular. É possível ainda optar por campanhas de alcance global ou local, conforme a sua verba e objetivos a serem conquistados. Outro ponto bem interessante do Bing Ads é que ele permite que se transporte as campanhas que já tenham sido programadas pelo Google Ads, trazendo os mesmos parâmetros e anúncios, evitando refações e agilizando o processo de quem deseja fazer a sinergia entre as duas plataformas. 


O Bing Ads também possui uma plataforma exclusiva para pequenos negócios e empreendedores, chamada Microsoft Advertising para pequenas empresas. Nela, a criação de anúncios e campanhas acontece de forma simples, clara e objetiva, assim como o controle e a avaliação dos resultados. Outro ponto positivo do Bing Ads é o custo. O CPP, Custo por Palavra-Chave, pode ser até 35% mais baratos do que no buscador livre, possibilitando um excelente alcance com investimentos muito mais baixos. 


Ficou interessado? Então acompanhe o passo a passo e compreenda ao fundo como o Bing Ads funciona.


1. Crie uma conta


A primeira coisa a ser feita, é a criação de uma conta na plataforma. Para isso, acesse https://bingads.microsoft.com e clique em criar conta. Você vai precisar de um endereço de e-mail válido, que será utilizado como login e forma de comunicação entre a ferramenta e seu negócio. Em seguida, haverá uma aba perguntando se deseja importar campanhas já existentes no Google Ads ou criar uma campanha nova.


2. Escolha as palavras-chave

Na terceira etapa, e uma das mais importantes em todo o processo, você vai precisar escolher quais as palavras-chave deseja vincular aos seus anúncios e campanhas. Lembre-se que quanto mais concorrida a palavra, maior será seu custo. Ao mesmo tempo, significa que garantirão melhores resultados e poderão aparecer mais vezes nos resultados de busca. Portanto, escolha com inteligência, inserindo palavras com mais apelo comercial juntamente de outras que sabe que poderão retornar um bom resultado. 


O grande segredo da escolha das palavras-chave é pensar na campanha como todo, em todos os momentos de decisão de compra do seu consumidor. Opte por palavras-chave que correspondem a buscas do início do funil de vendas, quando ainda estão na etapa de pesquisa e reconhecimento da necessidade, intercaladas com palavras que fazem parte do momento final da compra.


Além da escolha das palavras-chave, os anúncios também precisam ser pensados e desenvolvidos com inteligência. Crie anúncios voltados aos diferentes momentos de decisão de compra do seu consumidor, desta forma, você poderá atingi-lo nas diferentes etapas, mantendo-se constante e garantindo um espaço cativo em sua mente na hora da decisão de compra.


O Bing Ads ainda sugere palavras-chave para seus anúncios, baseado em URLs. Você insere o site da sua empresa, por exemplo, e ele retorna com aquelas que mais têm a ver com o seu negócio. A ferramenta ainda permite que se localizem palavras-chave que estejam relacionadas a uma expressão ou palavra, listando aquelas que possuem melhor ROI – Retorno sob investimento. 


3. Crie os anúncios


Depois desta etapa, é chegada a hora da criação das campanhas e anúncios. Comece definindo um orçamento, que pode ser diário ou mensal. Em seguida, escolha com cuidado quem serão as pessoas impactadas pelos seus anúncios, através da ferramenta de geolocalização. Por último, o Bing Ads vai mostrar estimativas de custos, de acordo coma s escolhas que fizer de palavras e até localização dos anúncios.


Na hora de escrever o anúncio seja direto e objetivo, escolha palavras-chave que realmente chamem a atenção do seu público-alvo no momento de compra em que ele se encontra e por último, não deixe de inserir uma chamada para a ação, como um “clique aqui”, ou “compre agora”, “Acesse” ou “Ligue”.


Uma boa forma de criar anúncios melhores é pesquisar como seus concorrentes fazem, escrever diferentes tipos deles e acompanhar os resultados com o passar do tempo. Uma das principais vantagens em optar por anúncios no Bing Ads ou seus concorrentes é a possibilidade de aferir resultados e realizar ajustes em tempo real.


4. Gerencie, controle e atualize

Feito isso, basta liberar as campanhas para veiculação e acompanhar os resultados. O segredo é ir ajustando para garantir que alcancem suas metas e objetivos. Quanto mais próximo estiver das campanhas, mais fácil será na hora de criar novas, pois vai compreender não somente da ferramenta, mas como o seu público realiza buscas no Bing Ads. 


Além disso, não descuide nunca da criação de conteúdo relevante no seu site, redes sociais e outros canais de relacionamento na internet. Desta forma, você garante que além das visitas vindas de anúncios como no Bing Ads, por exemplo, também terá vistas geradas de forma orgânica, que na maioria das vezes possibilitam resultados ainda melhores e que perduram por mais tempo.


A RedaWeb pode ser sua parceira no desenvolvimento de conteúdo relevante e de qualidade, garantindo resultados que vão de encontro com seus esforços de marketing online. Para saber mais sobre nossos planos e pacotes, acesse o site www.redaweb.com.br ou entre em contato com nossos especialistas pelo número: 0800 750 5564.


Artigos relacionados.

Ver mais artigos
publicidade-e-propaganda-saiba-as-principais-diferencas dicas-para-criar-uma-propaganda-para-o-seu-servico invista-no-inbound-sales-e-otimize-o-seu-negocio
Whatsapp
Ligue grátis 0800 750 5564
Ligue grátis 0800 750 5564