Blog AIDA (Atenção, Interesse, Desejo, Ação): o que é e como utilizar o método na prática

AIDA (Atenção, Interesse, Desejo, Ação): o que é e como utilizar o método na prática

Aida atenção interesse desejo ação vendas funil

Cada vez mais se percebe a importância do marketing nas estratégias de divulgação de um produto ou serviço. Em alguns casos, essas ações envolvem altos custos e nem sempre trazem o retorno esperado. 


Isso costuma acontecer porque a estratégia escolhida não foi a ideal para o público-alvo. Uma boa campanha de marketing não é medida pelo seu valor financeiro e sim, por sua efetividade na atração dos leads. 


Para auxiliar neste processo, muitas empresas utilizam o Método AIDA, uma das principais e mais efetivas estratégias utilizadas para atrair clientes.


Quer saber mais? Continue conosco e conheça essa técnica. 


O que é o método AIDA? 

O Método AIDA é uma estratégia de marketing que tem por objetivo principal atrair leads e conduzi-los pelo funil de vendas até que efetivem a compra


O nome AIDA é a abreviação das palavras Atenção, Interesse, Desejo e Ação. Elas consistem em quatro etapas pelos quais o lead é estrategicamente conduzido, até que finalmente, decida-se pela compra.


Apesar de ser um método antigo, surgiu em 1899, o AIDA ainda se mostra ser bastante atual, principalmente se considerarmos o contexto em que vivemos, no qual há muitas opções de marcas para serem escolhidas e o cliente recebe informações sobre elas a todo o momento.


Desse modo, o Método AIDA se torna indispensável para as empresas que querem se posicionar à frente de seus concorrentes. 


Um exemplo prático de aplicação do Método AIDA é a criação de conteúdo digital, ou seja, textos ou vídeos informativos utilizados para atrair o cliente. 


Estes materiais normalmente são publicados nas redes sociais ou aparecem como resultado de buscas nos sites de pesquisa. Assim, o cliente é direcionado para o site da empresa ainda que não estivesse procurando pelo produto ou serviço.


Saiba como fazer o AIDA

Já foi dito que o AIDA é um método importantíssimo, mas como aplicar estas quatro etapas nas estratégias de marketing da empresa?


Para isso, em primeiro lugar é preciso conhecer detalhadamente cada uma delas.


A primeira etapa é a ATENÇÃO. Este é o momento em que o cliente tem o primeiro contato com a empresa e decidirá se quer ou não conhecê-la.


Provavelmente, você já deve ter visto algum anúncio ou propaganda que despertou a sua atenção por algum motivo: sejam as cores, as imagens, as frases ou até mesmo os sons utilizados.


Quando isso acontece, o objetivo da etapa ATENÇÃO foi atingido e o cliente entrou do Funil de Vendas.


Através da ATENÇÃO, o cliente definirá a primeira impressão da empresa e esta pode ser tanto positiva quanto negativa. 


Mas, como chamar a atenção do cliente? 


Uma estratégia muito utilizada é a publicação de conteúdo nas redes sociais. Suponha que o cliente esteja navegando em sua rede social e se depara com um texto diretamente relacionado ao que ele precisa ou a um assunto de seu interesse. Provavelmente, ele irá clicar no link e será direcionado para a página da empresa. 


Mas, para isso aconteça é preciso, em primeiro lugar, conhecer muito bem o cliente, entender quais são as suas dores e necessidades e saber qual o estilo de comunicação deve ser utilizado para falar com ele. 


Aliás, o estilo de comunicação é um ponto muito importante, pois o cliente precisa sentir que a empresa está falando diretamente com ele. 


Após chamar a atenção do cliente é necessário conquistar o seu INTERESSE.  Desse modo, entra em cena a segunda etapa do AIDA.


Na fase INTERESSE, deve ser despertada no lead a vontade de conhecer mais sobre o negócio. 


Isso será conquistado à medida que ele perceber que, de fato, a empresa pode ajudá-lo em sua necessidade. Portanto, é necessário que se destaque estrategicamente os principais benefícios do produto ou serviço. 


Usando novamente o exemplo do conteúdo digital, o INTERESSE será despertado no cliente logo nos primeiros parágrafos do texto. Se este não estiver de acordo com o esperado, o cliente fechará a página e não seguirá sua jornada.


As duas etapas acima costumam acontecer em alguns segundos. Além disso, a menos que você ofereça um produto exclusivo, é bem provável que o cliente já tenha sido atraído e despertado interesse em outras empresas.


Desse modo, ele será conquistado pela etapa DESEJO. Este é o momento em que o lead terá a certeza de que a solução que procura está na sua empresa. 


Nesta etapa, é preciso comprovar os benefícios dos produtos ou serviços oferecidos. Isso pode ser conseguido através de depoimentos ou comentários de clientes. 


Imagine que o cliente foi atraído para o seu site através de uma chamada na Rede Social. Após ler o texto, no final da página, ele se depara com vários depoimentos de clientes satisfeitos com o produto ou serviço. Isso poderá fazer com que ele queira conhecer mais sobre a empresa e o que ela oferece.


Por fim, o lead deve efetivamente decidir-se pela compra e isso acontece na etapa AÇÃO. Ele já sabe que a sua empresa pode atender à sua necessidade e só precisa de uma “ajudinha” para inserir os seus dados no site e comprar o produto ou contratar o serviço. 


Neste momento, é de suma importância que a empresa ofereça facilidades e incentivos para que a compra seja realizada. Normalmente, são oferecidos descontos, bônus ou período de testes. Além disso, facilitar o pagamento também é um ponto importante para auxiliar nesta etapa.


A falta de cuidado com o momento da AÇÃO pode prejudicar toda a estratégia até aqui. Suponha que o cliente passou por todas as fases acima e decidiu-se pela compra, no entanto, o site da empresa não aceita a bandeira do seu cartão de crédito. Isso certamente será frustrante e a empresa pode perder tudo o que havia conquistado.


Qual a diferença entre interesse e atenção?


Pelas definições acima, você pode ter achado as etapas INTERESSE e ATENÇÃO parecidas, no entanto, elas têm objetivos bem diferentes. 


Para que estas diferenças fiquem claras, vamos recorrer ao dicionário e ver o significado de cada uma dessas palavras.


A palavra ‘atenção’ significa a “concentração da atividade mental em determinada pessoa ou coisa”. Já palavra ‘interesse’ é definida como o “desejo de se informar ou de saber mais sobre alguém ou alguma coisa”.


Ou seja, na primeira etapa do AIDA, a empresa deve atrair o olhar do cliente. Ele precisa notar a ação de marketing promovida, do contrário, não será possível fazê-lo entrar no funil de vendas.


Após ser atraído, é preciso que o interesse dele seja despertado. Suponha que o cliente acessou o site da empresa. O que ele encontrará? Há informações que, de fato, vão fazê-lo querer continuar na página ou ele vai fechá-la logo em seguida?


Então, o cliente é atraído na etapa ATENÇÃO e permanece na empresa através da etapa INTERESSE.


Qual a diferença entre desejo e interesse?

A fase INTERESSE já ficou bem clara, mas qual a diferença dela com a etapa DESEJO? Afinal, o desejo também não se refere a um interesse do cliente?


Seguindo o que fizemos anteriormente, vamos buscar a definição da palavra ‘desejo’. Segundo o dicionário, desejo é “ter vontade de buscar o conhecimento, a posse ou o desfrute de alguma coisa”.


Assim, para que o cliente avance no funil de vendas, precisa sentir a vontade de comprar o produto ou contratar o serviço.


Note que aqui, ele já não está apenas interessado em saber mais sobre a empresa, mas está começando a querer o que a empresa oferece. 


Este é o momento em que o cliente deve ser conquistado e ter a certeza de que a empresa pode ajudá-lo. E mais: ele precisa querer aquela solução para si.


 

Como criar desejo nas pessoas?

Como vimos acima, o DESEJO talvez seja uma das etapas mais importantes do Método AIDA, pois é nesta fase que o cliente será verdadeiramente conquistado. 


Assim, é fundamental a utilização das estratégias corretas para que todo o processo de ATRAÇÃO e INTERESSE não seja desperdiçado.


Mas, como despertar o desejo no cliente?


Em primeiro lugar, é preciso ter claro que o desejo nasce a partir de uma necessidade. Assim, o cliente desejará possuir aquilo o que ele acha que precisa. 


Desse modo, inicialmente, é imprescindível que se conheça muito bem o cliente. Portanto, faça pesquisas e esteja sempre atento aos comportamentos dos consumidores.


Conhecendo o cliente, ficará mais fácil desenvolver as estratégias adequadas para atrair o seu desejo de compra.  Esse desejo pode ser conquistado a partir de três pontos principais: informações adequadas, visual atrativo e sentimento despertado. 


Ao ser atraído e demonstrar interesse na empresa, o cliente deve encontrar todas as informações necessárias sobre o produto ou serviço. Nada deve ser escondido ou dito em entrelinhas, pois isso poderá ser um causador de insatisfação no futuro. 


As informações adequadas ajudarão o cliente a ter a certeza de que realmente aquele produto ou serviço poderá satisfazer a sua necessidade.


No entanto, de nada adiantará expor todas as informações sobre o produto se o local onde elas estão não for atrativo. 


O aspecto visual conta muito no processo de despertar o desejo de compra do cliente. Portanto, todas as cores e imagens utilizadas devem ser estrategicamente selecionadas. Além disso, é necessário pensar no melhor e mais adequado modelo de layout.


Um visual atrativo e cuidadosamente construído traz para o cliente uma sensação maior de confiança, pois demonstra muito mais profissionalismo. Desse modo, é indispensável estar sempre atento ao site e às redes sociais da empresa.


Ademais, é fundamental despertar os sentimentos do cliente, ou seja, envolvê-lo emocionalmente.


Isso acontece quando o cliente consegue se imaginar utilizando aquele produto ou serviço e cria um vínculo afetivo com ele. Para isso, é fundamental conhecer as necessidades do cliente para que a empresa possa falar diretamente com ele. 


Há ainda alguns gatilhos mentais que podem ser utilizados para atrair o desejo do cliente, como a escassez, a urgência, a prova social e a autoridade. 


Gatilhos mentais são estímulos psicológicos que, agindo no cérebro das pessoas, provocam uma reação inconsciente que induz à compra. 


A escassez é a estratégia na qual o cliente tem a sensação de que o produto ou serviço possui quantidade limitada e, se ele não realizar a compra naquele momento, outras pessoas comprarão e ele perderá a oportunidade. 


A urgência segue esse mesmo princípio, no entanto, em vez de falar sobre quantidade, usa-se o tempo. Assim, o cliente conclui que precisa aproveitar a oportunidade naquele momento, pois daqui a algumas horas ou dias, não será mais possível. 


A prova social se refere aos depoimentos de clientes, que demonstram como foi a sua experiência com o produto ou serviço.


Já a autoridade é a estratégia na qual o cliente percebe que sua empresa é conhecedora do assunto e uma referência na área. 


Como usar o método AIDA?

O método AIDA é uma excelente estratégia e que pode ser usada em diversos canais, principalmente nas Redes Sociais. 


Mas, como aplicá-lo de maneira efetiva e com resultados satisfatórios? 


Como já foi dito, o primeiro passo é conhecer o cliente. Não será possível desenvolver nenhum tipo de conteúdo para o público-alvo se não se conhece quais são os seus interesses e necessidades.


O conhecimento do cliente ajudará na definição dos melhores canais de divulgação. O conteúdo precisa ser publicado num local acessado pelo cliente, ou trará pouco - e até nenhum - resultado. 


Além disso, é preciso conhecer profundamente o produto ou serviço oferecido, de modo que seja possível demonstrar todas as suas vantagens e como o cliente pode ser ajudado. 


Conhecer a concorrência também é algo importante para que se possa oferecer um diferencial competitivo ao cliente. Ao acessar o conteúdo da empresa, o cliente precisa ter a sensação de que está diante de algo único!


Ademais, um erro que muitas empresas cometem é o de não seguirem a ordem das fases do AIDA. Cada uma dessas etapas corresponde a um estágio da jornada do cliente e deve ser estrategicamente trabalhada. De pouco adiantará desenvolver um excelente conteúdo se a etapa ATENÇÃO foi menosprezada. 


Vantagens do método AIDA


O AIDA tem sido cada vez mais utilizado pelas empresas em suas estratégias de marketing. Além de ser um método altamente eficaz, ele ainda muitas outras vantagens.


1. Vantagem Competitiva

Pode parecer redundante, mas a principal vantagem do AIDA é criar vantagem competitiva. Se aplicado corretamente, é possível que a empresa seja encontrada mais facilmente pelos potenciais clientes e, assim, colocar-se à frente dos concorrentes. 


Imagine que o cliente faz uma pesquisa em um buscador na Internet. Se sua empresa não aparecer nas primeiras páginas, possivelmente não será contatada. Com o AIDA o conteúdo é estrategicamente desenvolvido e até as palavras utilizadas são minuciosamente escolhidas para que a empresa seja facilmente encontrada. 


2. Versatilidade

O AIDA é um método bastante versátil e pode ser aplicado em diferentes canais. Independentemente de onde o seu público-alvo esteja, poderá ser alcançado pelas estratégias do método.


3. Foco na conversão de Leads e custo-benefício

O AIDA ainda tem a vantagem de ser uma estratégia desenvolvida pensando exclusivamente na conversão de Leads e, além disso, é um dos métodos com o melhor custo-benefício do mercado.



Como ser assertivo na estratégia de marketing? 

Iniciamos nosso texto mencionando que muitas vezes as empresas fazem altos investimentos em estratégias de marketing que não trazem os resultados esperados.


Se não for bem planejado, desenvolvido e executado, o Método AIDA também pode se tornar uma estratégia frustrada e trazer aquela sensação de “dinheiro jogado fora”.


Por isso, para ser assertivo na estratégia de Marketing escolhida, é fundamental observar alguns pontos. 


1. Conhecer bem o cliente

Que é preciso conhecer bem o cliente você já sabe, pois para que a estratégia de marketing funcione é necessário ter clareza de quem é a ‘persona’ para quem sua empresa trabalha.


No entanto, vale ressaltar que é preciso um conhecimento muito profundo do cliente. Não basta saber informações superficiais como idade, gênero ou classe social. 


É preciso entender que o cliente não apenas “existe”. Ele não é um número na tela de um computador. O cliente vive, faz coisas, conhece lugares, trabalha, se diverte. 


Assim, para que a estratégica de marketing seja assertiva, é necessário conhecer todas estas informações sobre ele.


2. Focar no Lead

Um erro que muitas empresas cometem e que dificulta ser assertiva na estratégia de marketing e não colocar o foco no Lead. 


Todas as estratégias precisam ser desenvolvidas com o olhar no cliente, ou seja, “com a cabeça dele”. 


3. Fidelizar o cliente

Ainda como parte das estratégias de marketing é importante pensar em métodos par fidelizar o cliente.


Portanto, é preciso que sejam criadas estratégias para cativar as pessoas, estabelecendo um bom e duradouro relacionamento com elas. 


Afinal, o que um anúncio AIDA deve conter?

A estratégia usada em um anúncio AIDA dependerá muito do tipo de produto ou serviço oferecido, no entanto, em todos eles é, importante conter:


  1. Algo que chame a atenção do cliente. Neste ponto, pode-se usar imagens e até frases de efeito. 
  2. Informações importantes sobre o produto ou serviço:
  3. Pontos positivos do produto ou serviço e o que o diferencia dos concorrentes. 
  4. Contato da empresa.
  5. Um convite de interação do cliente com a empresa.



Confira exemplos

Depois de conhecer todas essas informações sobre o Método AIDA, vamos a alguns exemplos de como as empresas o aplicam na prática?


Começando pela primeira fase do AIDA, a ATENÇÃO do cliente pode ser despertada de diversas formas:

  • Uma publicação que se destaque frente às demais.
  • Uma imagem ou um texto que desperte a curiosidade do cliente.
  • Uma chamada com a qual o cliente de identifique e se sinta compreendido. 
  • Anúncios em locais inesperados.
  • Propaganda boca-a-boca.

Por exemplo:

  • Quer saber como conquistar sua independência financeira?
  • Conheça o produto X, que já mudou a vida de centenas de mulheres no Brasil.
  • Oi, meu nome é Bettina, eu tenho 22 anos e 1 milhão e 42 mil reais de patrimônio acumulado.


E como conquistar o INTERESSE?

  • Criando um conteúdo informativo interessante.
  • Desenvolvendo textos fáceis de ler e que não sejam cansativos.
  • Distribuindo o conteúdo adequadamente pelo site.
  • Usando subtítulos e ilustrações interessantes.


Para despertar o DESEJO:

  • Destaque o que o cliente pode ganhar ao escolher o seu produto ou serviço.
  • Mostre que ele não encontrará benefícios iguais nos concorrentes.
  • Apresente situações práticas em que o produto ou serviço pode ser utilizado. 
  • Coloque o produto ou serviço no dia a dia do cliente.
  • Apresente imagens sobre a utilização do produto ou serviço.


E para a AÇÃO, ofereça:

  • Descontos.
  • Testes gratuitos.
  • Material informativo (um e-book, por exemplo).
  • Ofertas.
  • Uma política clara para troca e devolução de produtos comprados pela Internet.
  • Condições de pagamento facilitadas. 
  • Convites par ao cliente interagir com o conteúdo, por exemplo:
  • Acesse outros artigos em nosso site.
  • Venha conhecer nossas promoções.
  • Deixe o seu comentário.


Além disso, para estimular a AÇÃO pode-se usar alguns gatilhos mentais, conforme apresentado anteriormente.



Conclusão

Se aplicado corretamente, o AIDA é um método que traz resultados rápidos e satisfatórios a um excelente custo-benefício. 


Hoje em dia, principalmente com o avanço das Redes Sociais, torna-se indispensável que as empresas utilizem métodos mais modernos e eficazes para atrair os seus clientes. 


Não é raro observarmos que muitas empresas começaram a publicar conteúdo em suas páginas, criando blogs ou alimentando suas redes sociais com informações relevantes para seus clientes.


Estas informações, não necessariamente precisam estar diretamente relacionadas ao produto ou serviço oferecido, mas como são assuntos direcionados aos interesses do público-alvo, ele acaba sendo atraído.


Por isso, é necessário utilizar a estratégia adequada para aplicar o Método AIDA e publicar conteúdo. 


Não basta escolher um bom tema, toda a estrutura do texto e, inclusive, as palavras utilizadas precisam ser escolhidas com cuidado e planejamento. 


A RedaWeb é uma plataforma para criação de conteúdo digital. Contamos com o auxílio de centenas de redatores, especializados em textos seguindo o método AIDA.


Acesse nosso site ou entre em contato conosco pelo telefone  0800 750 5564 e conheça nossos planos.


Artigos relacionados.

Ver mais artigos
-dicas-de-conteudo-para-sua-loja-virtual criacao-de-personas-guia-simples-para-iniciantes qual-e-o-tamanho-indicado-para-postagens-online-saiba-aqui
Whatsapp
Ligue grátis 0800 750 5564
Ligue grátis 0800 750 5564